quinta-feira, 24 de junho de 2010

O reflexo (poesia premiada no Concurso de Poesias Osmair Zanardi da Academia de Letras

O reflexo

Dobra-se uma pele
outra, e mais outra,
é um plissê se formando

dobra-se um tecido
uma, outra, e mais uma vez
é uma saia em plissê!

hoje no rosto as rugas
resultado das rusgas...
no armário o vestido
de plissê pendurado

no  rosto as dobras
são as cansadas sobras
de todas as suas obras
num tempo que se foi

o vestido de plissê
está no armário, empoeirado.
o rosto, com pó de arroz,
está no espelho em plissê!

marianice Paupitz Nucera (coordenadora do Grupo Experimental

2 comentários:

  1. Meus cumprimentos pela bela poesia e pertinente prêmio...começo a gostar deste blog.

    ResponderExcluir
  2. Parabens, Nicinha!
    Muito bom; belíssimo...

    ResponderExcluir